Malefícios do Leite Para a Saúde

Por J.Costa


Sem sombra de dúvidas a tese do leite é ainda muito discutida, uma vez que ao longo de tanto tempo, a cultura do beber leite se tornou enraizada e incontestavelmente mantida pela população.

Assim sendo, notamos que uma série de problemas de ordem respiratória, óssea e até mesmo obesidade, entre tantos outros vem assolando a sociedade, de modo que muitos, firmemente convictos dos pressupostos benefícios do leite, sequer suspeitam que ele é o grande vilão da história.

Nesta matéria inédita falaremos um pouco sobre os malefícios do leite para a saúde, com base em dados comprobatórios para que você possa se conscientizar e assim garantir uma vida mais harmoniosa e saudável. Confira:

O leite após a infância

O influente nutricionista europeu Pedro Bastos afirma: “Nenhum mamífero no reino animal continua consumindo leite após a infância. Nós somos os únicos”. Ao decorrer da história observamos que o consumo do leite é algo relativamente novo e que vem a cada vez mais sendo responsável pela alteração bioquímica do organismo humano.

beber leite

Conheça alguns malefícios que o leite trás para a saúde.

É importante ressaltar que para cada mamífero, o leite adequado é proveniente de sua própria espécie e até uma idade especifica. A título de exemplo, o leite de vaca faz com que um bezerro dobre de tamanho em apenas 45 dias, ao passo que para um bebê humano, cujo crescimento é mais demorado, essas substâncias certamente acarretam incontáveis danos à sua saúde e ao seu desenvolvimento.

O surgimento de novas doenças

Uma série interminável estudos científicos relacionam o consumo do leite de vaca ao surgimento de doenças inflamatórias, tais como otite, dermatite, rinite, sinusite, bronquite asmática, amigdalite, gastrite, esofagite, celulite e tireoidite. Além delas também temos uma relação com a obesidade, a hipertensão, inchaços, aumento da resistência à insulina, fadiga e até mesmo hiperatividade, dislexia, ansiedade, depressão e a insuficiência de cálcio no organismo.

Este fator se deve não apenas à composição natural que o leite possui, cujas reações químicas não provocam alteração em bezerros, uma vez que seus sistema bioquímico é diferenciado comparado ao ser humano. Este fator se deve também ao método como o leite é produzido, com uma infinidade de hormônios e substâncias altamente perigosas ao organismo.

O mito do cálcio

Ao decorrer do tempo criou-se uma associação do leite com o benefício para os ossos. Todavia, estudos comprovam que nos países mais consumidores de leite o índice de osteoporose e doenças de ordem óssea é ainda maior.

Isto se deve a uma substância presente que em reação ao organismo humano, não só impede a absorção do cálcio do próprio leite como também o cálcio de quaisquer outros alimentos.

Saiba mais

Assista a palestra O Mito do Leite no Youtube e informe-se mais sobre os malefícios do leite para a saúde, a fim de efetuar as melhores escolhas para você e para toda sua família.

Continue lendo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>