Dietas e regimes perigosos de hoje e do passado

Por J.Costa


A busca por meios um pouco estranhos para conseguir ficar mais magra e em forma não é coisa da atualidade porque existiram diversas dietas perigosas do passado as quais podem ser encontradas desde o ano de 1,800 conforme cronologia divulgada pelo site Daily Mail.

Principais dietas perigosas do passado

No ano de 1820 o poeta Lord Byron utilizava uma dieta somente com ovos cozidos, vinagre, água e biscoitos compostos de água e sal tendo difundido este método que fez a ele perder mais de 30 quilos com seu uso.

Já no início de 1900 a moda criada por um empresário norte-americano chamado Horace Fletcher consistia em mastigar e cuspir que como o nome indica se referia a mastigar pelo menos 100 vezes a comida em cada garfada e depois jogar tudo fora não engolindo nada.

No ano de 1925 a moda do momento foi, acredite se quiser, a dieta do fumo o qual mesmo já tendo seus efeitos negativos conhecidos foi estimulado em seu uso por ser um supressor do apetite com manchetes como é melhor fumar do que comer.

Um pouco mais tarde em 1940 a dieta da sopa de repolho foi muito utilizada e ainda pode ser verificada nos dias de hoje e se refere basicamente em cozinhar e comer apenas um caldo feito de água e repolho.

Dietas perigosas do passado

Esta dieta além de causar sérios problemas nutricionais leva a efeitos colaterais coo fome extrema, dor de cabeça, mudanças de humor e ainda pode levar a problemas mais sérios como a perda de massa muscular importante.

Uma das mais malucas dietas com certeza foi criada em 1950 se referindo ao regime da tênia que se referia ao consumo de pílulas cheias de ovos de solitárias a qual à medida que crescendo no intestino começa a usar os ingredientes levando à perda de peso.

Apesar disso, esta técnica de emagrecer com a tênia leva à desnutrição, forte indisposição geral bem como todos os problemas que a teníase causa no corpo podendo chegar à morte inclusive.

Em 1970, a notícia meio maluca foi a dieta da Bela Adormecida que acredita-se tenha sido usada por Elvis Presley na qual eram usados sedativos e remédios para dormir tendo como base a ideia de que é preciso passar a maior parte do tempo dormindo para se ter uma baixa ingestão de calorias e com isso emagrecer.

Conclusão

Portanto, as dietas perigosas do passado propunham formas muito exageradas para conseguir a perda de peso que era obtida às custas de um prejuízo nutricional e de alimentação que não deve ser praticado.

Continue lendo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.