Dieta e exercícios auxiliam no tratamento da Síndrome do Ovário Policístico

Por J.Costa


Estudos têm demonstrado a grande relevância da composição de dieta e exercícios para mulheres com Síndrome do Ovário Policístico, principalmente entre as que estão com sobrepeso ou obesas. O acúmulo de gordura no organismo pode não ser o causador, mas pode ocasionar a piora dos sintomas.

O que é SOP

A SOP ocorre por causa de um descontrole hormonal que atinge principalmente mulheres em idade reprodutiva, onde há aumento dos ovários e presença de cistos. Como consequência da síndrome pode haver um excesso no crescimento de pelos, acne, menstruação irregular, e entre outros, a obesidade.

Dieta e exercícios auxiliam no tratamento da Síndrome do Ovário Policístico

Não se sabe ao certo o motivo que leva à SOP, porém a falta de tratamento adequado pode levar a outros quadros, como: doenças cardiovasculares, diabetes Tipo 2, hipertensão, resistência à insulina, entre outros.

Dieta e exercícios físicos

O tratamento da SOP existe sem um hábito de vida saudável, mas ele se torna muito mais eficaz quando auxiliado por uma dieta balanceada e prática de atividades de físicas. Junte-se a isto evitar o tabaco e a ingestão de bebidas alcoólicas.

A união dos hábitos de vida saudáveis ao tratamento, tem sua importância destacada por ajudar na regulação do peso, portanto, diminui os riscos das doenças cardiovasculares e controla os níveis de insulina.

Observações importantes

  • O controle do peso deve ser levado a sério a fim de evitar que a mulher entre em um quadro de obesidade.
  • Ter cuidado com o nível de carboidratos existentes no cardápio. Optar pela ingestão de alimentos integrais pode ser mais benéfico.
  • Alimentar-se de 5 a 6 vezes no dia com intervalos regulares entre as refeições.
  • Selecionar um cardápio com ênfase em diminuir o “mau” colesterol. Gorduras saturadas e gorduras trans devem ser reduzidas na alimentação.
  • Cuidado com o consumo de alimentos com alta presença de magnésio e vitaminas do complexo B.
  • Caso o fluxo menstrual seja grande um quadro anêmico pode se manifestar, dessa forma aconselha-se acrescentar alimentos ricos em ferro à dieta.
  • Aumentar o consumo de fibras solúveis e alimentos ricos em Ômega 3.
  • O ideal é ser acompanhado por profissionais de todas as áreas: médico, educador físico e nutricionista

Apesar de a Síndrome dos Ovários Policísticos não possuir uma esquema de prevenção conhecido, o diagnóstico recebido precocemente leva a um tratamento mais rápido que pode vir a evitar complicações causadas por este quadro clínico.

Continue lendo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.