Alimentação da mãe pode alterar metabolismo dos filhos

Por J.Costa


Aquilo que todos nós suspeitávamos foi comprovado através de um estudo: a alimentação que as mamães consomem afetam diretamente as crianças em gestação, aliás, em todos os aspectos, inclusive no metabolismo quando essas se tornam adultas.

Segundo a publicação, ficou mais do que comprovado que gestantes que se alimentam com uma dieta rica em gordura poderão ter filhos na idade adulta com o metabolismo alterado.

Para o estudo foram observados ratos de laboratório com ajuda do biólogo Luiz Fernando Possignolo, da Faculdade de Ciências Médicas da Universidade de Campinas.

Essa é uma publicação que certamente vai servir de base no futuros para estudos com seres humanos já que os animais estudados apresentaram resistência à insulina, hipertensão e alterações na expressão de proteínas ligadas ao transporte de colesterol e à via inflamatória, algo realmente surpreendente.

O biólogo à frente da pesquisa revelou que no período considerado crítico é que a maior ingestão de gordura é prejudicial. Esse é um período que dá uma idéia prévia do ambiente lá de fora para quando a criança nascer estar preparada para a vida. Isso é chamado de programação fetal e é uma dinâmica que cria no feto condições metabólicas, funcionais e morfológicas.

Enfim, mesmo que os estudos ainda não tenham sido realizados em humanos outras pesquisas mostram que a alimentação das mamães influencia demais as crianças durante a gesta~]ao, então mamães: Mantenham a boa alimentação, com carnes magras, boas fontes de carboidratos, frutas etc.

Continue lendo:

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.